No comments yet

Três atitudes de um discípulo de Jesus

João 15:7-8

“Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito. Nisto é glorificado meu pai, que deis muito fruto, e assim sereis meus discípulos.”

1º ESTUDAR A BÍBLIA Sl 119:97-105

– Nosso sucesso ou fracasso na vida cristã depende da quantidade de conhecimento bíblico que armazenamos em nossa mente.

– Se desejamos ser crentes vitoriosos, temos de nos alimentar regularmente da Palavra de Deus.

– Isto requer esforço e comprometimento de nossa parte.

– Isso requer também entendimento de que:

A Bíblia não é um livro qualquer. É Deus falando conosco. É Deus se revelando a nós. É ele nos conduzindo através da sua vontade para conseguirmos alcançar os seus propósitos.

– O estudo periódico da Bíblia é:

Essencial para o nosso crescimento.

Fundamental para a nossa maturidade.

“Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz para os meu caminhos”

Salmos  119:105

A Palavra de Deus:

– Nos faz mais sábios.

– Nos faz mais confiantes e compreensivos.

– Nos faz mais prudentes.

– Nos afasta do pecado.

– Nos enche de alegria e paz.

– Nos conduz para um caminho iluminado, sem confusão, surpresas ou percalços.

Paulo escreve: “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra.”  2 Timóteo 3:16-17

Por isso Lucas nos chama a atenção para um detalhes importantíssimo no livro de Atos capítulo 17 verso 11: “Os bereanos eram mais nobres do que os tessalonicenses, pois receberam a mensagem com grande interesse, examinando todos os dias as Escrituras, para ver se tudo era assim mesmo.”

2º- APLICAR A PALAVRA DE DEUS – Mateus 4:1-11

Jesus aplicou a palavra ao responder as propostas do diabo.

Quando o diabo tentou a Jesus dizendo: (vs. 3) “Se és o Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães. Mas Jesus respondeu citando Deuteronômio 8:3 ao dizer “nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que procede da boca de Deus.”

Então o diabo prosseguiu dizendo: (vs. 6) “Se és filho de Deus, atira-te daqui abaixo, porque está escrito: Aos seus anjos dará ordem a teu respeito para que te guardem e eles te susterão nas suas mãos, para que não tropeces em pedra alguma.”

Ele distorceu o sentido original do Salmo 91:11-12 lançando dúvida sobre a fidelidade de Deus. Mas Jesus respondeu citando Deuteronômio 6:16 ao dizer: “Também está escrito: Não tentarás ao Senhor teu Deus”.

Então o diabo tenteu mais uma vez dizendo: (vs. 9 “Tudo isto te darei se, prostrado me adorares.”

Mas Jesus ordenou que satanás se retirasse citando o maior dos mandamentos: “Somente ao Senhor teu Deus adorarás e só a ele darás culto.”

Resultado: O diabo o deixou e vieram os anjos para servi-lo.

Paulo nos aconselha a nos revestirmos com a armadura de Deus para ficarmos firmes contra as ciladas do diabo. Ele diz em Efésios 6:13 “Portanto tomai toda a armadura de Deus para que possais resistir no dia mau, e depois de terdes vencido tudo, permaneceis inabaláveis.

E no verso 17 ele diz: “tomai também a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus”. É com ela que vencemos as dificuldades que nos sobrevêem.

Tiago conclui: “Mas sejam praticantes da palavra, e não apenas ouvintes, enganando-se a si mesmos. Porque se alguém ouve a palavra, mas não a põe em prática, é semelhante ao homem que olha em um espelho o seu rosto. Porque ele se olha, vai embora e logo esquece sua aparência. Mas aquele que observa atentamente segundo a lei perfeita, que traz a liberdade, e persevera nela, não sendo ouvinte esquecido, mas praticante da obra, este será bem-aventurado no que faz” – Tiago 1:22-25

3º- ORAR DIARIAMENTE

O que o alimento é para o corpo, a palavra e a oração são para o homem.

Romanos 12:12 diz: “Regozijai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, na oração perseverantes”

A Palavra de Deus nos orienta a sermos perseverantes na oração, isto é, orarmos sem esmorecer, sem cansar e sem retroceder.

O apóstolo Paulo viveu esta realidade em sua vida e deu-nos exemplo de perseverança na oração. Tanto em momentos de bonança quando tudo ia bem, quanto nos momentos mais difíceis, perigosos e cruéis, ele experimentou a prática saudável e geradora de paz e segurança que é a oração.

As Escrituras nos ensinam que:

– Devemos buscar a Sua face em toda e qualquer circunstância.

– Devemos buscar o Seu perdão por meio do arrependimento, quando falhamos e erramos.

– Devemos buscar a Sua paz nos momentos de conflito e guerra.

– Devemos buscar a Sua face para obtermos direção, para sabermos o que fazer e qual caminho tomarmos.

– Devemos buscar a Sua face para recebermos consolo e cura interior.

– Devemos buscar Sua face quando estamos cheios de alegria e as bênçãos se multiplicam sobre nossas cabeças, para que não percamos a humildade e a simplicidade e o amor possam ser marcas em nosso caráter.

Paulo falando aos Tessalonicenses no capítulo 5:17 de sua primeira epístola nos adverte: “Orai sem cessar”.

Tiago exorta dizendo: “Portanto, submetam-se a Deus. Resistam ao Diabo, e ele fugirá de vocês. Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês! Pecadores, limpem as mãos, e vocês, que têm a mente dividida, purifiquem o coração. Entristeçam-se, lamentem-se e chorem. Troquem o riso por lamento e a alegria por tristeza. Humilhem-se diante do Senhor, e ele os exaltará.”

Finalizando e chamando a atenção para a hegemonia e unidade de ensino entre o AT e o NT:

“E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra”. 2 Crônicas 7:14

Conclusão:

– Busque com afinco ler mais a Palavra de Deus.

– Estude mais as Escrituras Sagradas.

– Medite mais nas verdades que emanam das páginas da Bíblia.

– Comprometa-se em orar mais, orar em todo o tempo.

– Não busque apenas o que Ele tem nas mãos para lhe oferecer.

– Busque a Sua doce presença.

João 15:7-8

“Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.  Nisto é glorificado meu pai, que deis muito fruto, e assim sereis meus discípulos.”

Post a comment

© 2018 MCPJersey. by Agência Mega Pixel